Sunday, September 29, 2013

Sombra


Por: Yohanes Manhitu

Para mim tu és uma sombra
No longo caminho do tempo.
Sim, eras a pura luz de velas
Nas celas da minha solidão.

Tenho aprendido a vencer
A dor que me sombreava.
Hoje o sofrimento é um perdedor
Na guerra sem sangue derramada.

Ó sombra, sombra da viva alma,
A vida não é uma brincadeira.
Agora estou no bom caminho
Para a destinação preferida.

Yogyakarta, 13 de Outubro de 2005

No comments: